Incentivo financeiro adicional aos agentes comunitários é destaque em pauta da Câmara

 

Onze projetos estão na pauta da oitava sessão ordinária do atual período legislativo da Câmara Municipal de Ipiaú que acontece na noite desta quinta-feira, 19, a partir das 20 horas. No “Expediente” constam  a leitura de cinco matérias, sendo três Projetos de Lei e dois de Resolução, enquanto em” Redação Final” serão votados cinco Projetos de Lei. O destaque da pauta, entretanto, é o Projeto de Lei nº 002/2018, originário do Poder Executivo que autoriza a Prefeitura repassar aos Agentes Comunitários de Saúde -ACS-  e aos Agentes de Combates às Endemias -ACE- incentivo financeiro adicional, e dá outras providenciais. A matéria será lida e votada em discussão única. As duas categorias a serem beneficiadas  com o PL 002/2018, prometem lotar o Salão do Plenário da Câmara. Outro destaque na pauta  é a leitura do  Projeto de Lei nº 003/2018, também originário do Poder Executivo,  que dispõe sobre as diretrizes para elaboração e execução da Lei Orçamentária (LDO) do exercício administrativo de 2019.

Ainda no Expediente constam as leituras do Projeto de Lei  nº 014/2018, da autoria do vereador  Orlando Santos-PT- que institui a “Semana dos Valores Morais e Éticos na Escola”, e dos Projetos de Resolução nº 005/2018, da autoria do vereador Erivaldo Carlos Oliveira Santos(Pery) -PP- que concede o titulo de Cidadão Ipiaúense ao  senhor Francisco Alves de Souza,  e nº 006/2018, da autoria do vereador Robson Moreira –DEM- que visa a concessão do mesmo titulo à professora Maria Conceição Moreira de Mesquita. Em “Redação Final” serão votados os Projetos de Lei  nº 001/2018, da vereadora Andréia Novaes, que dispõe sobre a “Arborização Urbana”; 010/2018, do vereador Lucas Louzado-PSD- que visa a instalação de Guardas Volumes nos estabelecimentos bancários da cidade; 011/ 2018,  do vereador Lucas Louzado, que institui o serviço de Adoção de Animais; 012/2018, do vereador Erivaldo Carlos “Pery”-PP- que institui o Dia Oficial do Janeiro Branco, e PL nº 013, também do vereador   Erivaldo Carlos que cria o “Banco de materiais Ortopédicos”.(José Américo Castro/ASCOM-Câmara de Ipiaú).


Conte-nos sua opinião