Plano de Carreira dos professores municipais deve ser aprovado nesta sexta

 

Professores acompanham o processo de votação do plano de carreira
Dezenas de professores e dirigentes da Rede Municipal de Ensino de Ipiaú estão acompanhando de perto a tramitação dos Projetos de Lei que dispõem sobre o Plano de Carreira, Cargos, Remuneração e Funções Públicas dos Servidores do Magistério” e o Estatuto do Magistério Público”. Juntas as duas matérias envolvem 269 artigos e 76 paginas. Devido ao volume da papelada foram necessárias duas sessões consecutivas para que fossem feitas a leitura dos projetos em pauta. Na sessão ordinária da ultima terceira- feira, 29, foi feita na integra a leitura do Projeto de Lei nº 007/2016 referente ao Estatuto do Magistério, além da leitura de 18 artigos do Projeto de Lei nº 006/2016concernente ao Plano de Carreira. Como o tempo regimental da sessão já estava esgotado, a leitura desta matéria foi interrompida, só tendo continuidade em uma sessão extraordinária realizada na manhã do dia seguinte, quarta-feira, 30. A primeira votação será realizada nesta sexta-feira, 1º de Abril, em mais uma sessão extraordinária. É provável que as duas propostas sejam aprovadas por “acordo de lideranças”, evitando assim o prolongamento da tramitação.
Algumas discussões aconteceram entre representantes do Poder Executivo e da categoria dos professores, através da APLB Sindicato, para promover ajustes nos projetos em pauta. Nelas ficou evidenciado o amadurecimento das partes e isto resultou em importantes avanços”, destacou o presidente da Câmara, vereador Jean Kleber da Silva Cunha- PTdoB-. Coube a este parlamentar  uma grande contribuição para o encaminhamento das matérias fosse apressado . “Fizemos nosso dever  para que  uma antiga reivindicação da categoria finalmente viesse a ser atendida, valorizando os professores que atuam neste município”, completou Jean. O plano assegura piso salarial, gratificações de regência e tudo aquilo que vem agregar a valorização dos profissionais de educação. Quase 300 profissionais serão beneficiados com a aprovação do projeto.(José Américo Castro/ASCOM- Câmara de Ipiaú).